Histórico da editora

O Viajante como empresa foi surgir em maio de 1999, quando foi lançado o site homônimo, numa época em que havia raros sites de viagem, e nenhum na linha mochileira.

Foi no ano seguinte, em 2000, que a editora foi fundada – Trilhos e Montanhas, nome fantasia O Viajante, atuando num inédito nicho no Brasil – uma editora especializada em guias de viagem. E ainda mais do que isso: guias de viagem criados por e para brasileiros, tendo o olhar e a cultura viajante como essência.

O início da editora foi  promissor – o “Guia Criativo para O Viajante Independente na Europa” –, publicação lançada no ano 2000 que apresentava as barbadas (e roubadas) de 21 países do continente. O boca a boca logo tornou a publicação um sucesso, o que garantiu nova edições a cada um ou dois anos. Atualmente, o Guia O Viajante Europa, como é conhecido, está chegando a histórica marca da 10ª edição.

Após a Europa, a editora voltou os olhos para o seu próprio continente, e depois de meses de viagens e pesquisa, que teve a colaboração de outros viajantes, lançou em 2002 o “Guia Criativo para O Viajante Independente na América do Sul”, o primeiro (e ainda único) guia de viagens em português sobre o continente sul-americano. Outro sucesso, e que já está na 7ª edição.

Os Guias Criativo Europa e América do Sul, num perfil mais mochileiro (mas sem desprezar o turista mais tradicional), logo ganharam o apelido de “bíblia do viajante brasileiro”, e não à toa já vendaram mais de 200 mil exemplares.

Posteriormente, em 2007, vieram o “Guia O Viajante Argentina” e o “Guia O Viajante Chile” – frutos de 3 meses de viagens de carro e quase 50 mil quilômetros rodados. Ambos os títulos já estão na 3ª edição.

Em um projeto nacional, a editora criou dois títulos de estados brasileiros, o “Guia O Viajante Rio Grande do Sul” e o “Guia O Viajante Santa Catarina”, lançados em 2010 e atualmente esgotados.

No ano das Olimpíadas de Londres, 2012, foi lançado o inovador “Guia O Viajante Londres”, guia todo em cores, dono de um projeto gráfico diferenciado, exclusivamente sobre uma única cidade, a espetacular capital britânica.

Em 2014, a editora lança outro guia todo em cores e bastante completo, o “Guia O Viajante Uruguai”, o primeiro guia de viagens em português sobre esse pequeno grande país vizinho.

Não são apenas guias de viagem que a editora O Viajante/Trilhos e Montanhas trabalha – também publica livros no segmento literatura de viagem. Autores, estreantes ou não, que fizeram uma viagem bacana e souberam contar uma boa história. O primeiro lançado, em 2004, foi “Uma Estrada para o Chile”, de Alberto Schwanke, esgotado no momento, mas que terá uma 2ª edição lançada. E, em 2013, “Vida Nômade”, Robison Portioli. Você também escreveu um livro sobre sua viagem? Temos interesse sim, veja mais abaixo.

Todos os livros O Viajante são encontrados em livrarias – sejam nas grandes redes, como Saraiva, Cultura, Fnac, Leitura, Curitiba – ou pequenas livrarias de bairro. Mas frequentemente os guias se esgotam ou o livreiro, mais desatento, se esquece de pedir… Caso você não os encontre, pode adquirir direto conosco, com a editora, encomendando pelo site.

Paralelamente, a editora organiza, desde 2008, o Curso Travel-Writer, incentivando que mais viajantes conciliem a arte de viajar com a arte de escrever. O curso é ministrado anualmente por Zizo Asnis, em diferentes capitais brasileiras.

Comemorando 15 anos da editora, seguimos criando novos títulos, atualizado nossos guias, lançando novos autores-viajantes e desenvolvendo novos projetos. Muitos desses projetos, aliás, contam com a participação de viajantes, sejam pequenas (mas importantes) contribuições ou viajando e escrevendo para nossos guias. Acompanhe nosso trabalho assinando para receber nossos informativos  e acompanhando as novidades pela nossa página do Facebook.

Participe de O Viajante

Curtiu a proposta de O Viajante e quer trabalhar na editora, escrever para os Guias O Viajante, escrever nesse site ou colaborar nos nossos projetos? Saiba que nós temos interesse! Entenda como você pode ser um colaborador.

Escreveu um livro com suas aventuras de viagem?

O Viajante é uma editora que atua no segmento textos de viagens – basicamente guias de viagem –, mas já lançamos dois títulos que não são guias, e sim relatos de viagem (“Uma Estrada para O Chile”, de Alberto Schwanke; “Vida Nômade”, de Robson Portioli; “66 histórias de uma volta ao mundo”, da Nara Alves), o que chamamos literatura viajante.

Se você tem uma boa história de viagem e gostaria de vê-la transformada em livro, nós temos interesse em lê-la e, quem sabe, publicá-la. Saiba como clicando aqui.