Tour pelas principais atrações turísticas de Barcelona

Barcelona, no norte da Espanha, respira alegria, juventude… energia! Neste post, separei alguns dos principais pontos turísticos da cidade catalã, para você se inspirar para o seu roteiro e se esbaldar neste lugar único!

 

Vista aérea da Rambla| Foto: Nikos Roussos (CC BY-SA 2.0)

 

Por Juliana Maian

 

La Rambla, Port Vell e Barceloneta

 

Uma ótima maneira de começar a sentir o clima e a vida de Barcelona é passeando pela Rambla. Este calçadão, uma das ruas mais famosas da cidade, tem cerca de 2 Km de extensão e liga a Plaça de Catalunya ao Port Vell.

 

A Rambla barceloneta | Foto: Mario Sánchez Prada (CC BY-SA 2.0)

 

Vai para a Espanha? Nosso Guia O Viajante Europa Mediterrânea

pode lhe acompanhar na jornada!

 

Pela Rambla você encontra vários restaurantes e muito comércio (bem florido e bom para souvenirs), gente passeando, bebendo e comendo. Dois pontos de parada muito interessantes são o Mercado de la Boquería (com todos os sabores e cheiros típicos da culinária local) e a bonita Plaça Reial, ótima para sentar e comer algumas tapas (estilo gastronômico espanhol composto por pequenas porções de aperitivos como azeitonas, queijinhos e patês).

 

Plaza Reial | Foto: rafaelsoares (CC BY-NC-SA 2.0)

 

Dica: Nesta praça fica o Hostel Kabul, altamente recomendado para quem quer ficar em um lugar que não para, cheio de jovens e com um pub movimentadíssimo no térreo. Se estiver em um clima de viagem mais paz e amor… fuja dali!

 

Leia também:

 

Em uma das pontas das Ramblas fica o Port Vell, o porto de Barcelona, que foi revitalizado para os Jogos Olímpicos de 1992 e conserva várias esculturas que remetem aos arcos e aos esportes Olímpicos. 

 

Port Vell | Foto: Juliana Maian

 

É também uma região bonita, à beira mar, ótima para caminhar, observar as pessoas e a paisagem. O porto ainda guarda um obelisco com uma escultura de Cristóvão Colombo apontando para a América, o Mirador de Colom. Dá para subir e admirar a vista lá de cima.

 

Obelisco de Cristóvão Colombo | Foto: Juliana Maian

 

Seguindo pelo Porto, você chega até a Barceloneta, onde começa a região das praias, bem ao lado da Vila Olímpica. Aviso que pode ser um pouco decepcionante para um brasileiro que chega esperando praias de areia fina e que queira se aventurar em um mergulho… já que a água é bem gelada e a areia é bastante grossa e escura, se comparada com as nossas.

 

Barceloneta | Foto: Juanedc (CC BY 2.0)

 

Roteiro pela obra de Gaudí

 

Antonio Gaudí é o arquiteto mais importante da arte nouveau catalã (ou o modernismo catalão) e não dá para falar em turismo em Barcelona sem falar nos vários prédios e espaços projetados por ele.

 

Dois dos mais impressionantes são do Parc Güell e a Sagrada Família. O primeiro, é um espaço enorme e ao ar livre, construído para ser uma vila no meio da natureza onde, diz a lenda, Gaudí não usou sequer uma linha reta no projeto. Chega a ser mágico! É indispensável uma parada no imenso terraço do parque, ladeado por bancos decorados com mosaicos de azulejo.

 

O exêntrico Parc Güell | Foto: Kim Hyeyoung (CC BY-ND 2.0)

 

O mundialmente conhecido Temple Expiatori de la Sagrada Familia, cujas obras foram iniciadas em 1882 e às quais Gaudí dedicou as últimas décadas de sua vida, é patrimônio da UNESCO e sem dúvida um dos pontos turísticos mais emblemáticos de Barcelona. O audacioso projeto prevê 18 torres com mais de 100 metros cada, das quais apenas 12 estão concluídas atualmente (elas simbolizam os 12 apóstolos). A previsão de conclusão da obra, incluindo as 6 torres faltantes (que simbolizam os 4 evangelhos, Nossa Senhora e Jesus Cristo, respectivamente) é para 2026, 100 anos após a morte de Gaudí!

 

A ainda inacabada Sagrada Familia | Foto: Gary Ullah (CC BY 2.0)

 

Reserve pelo menos umas 3 horas para ficar ali, pois a Sagrada Família é imponente, misteriosa e cheia de detalhes, e por isso é possível passar horas e horas apenas observando as fachadas cheia de esculturas com personagens e cenas bíblicas, os vitrais, os mosaicos e ainda subir em uma das torres para observar a vista.

 

Existem vários outros prédios de Gaudí que merecem a visita, nem que seja só para ver a fachada: Casa BattlóLa PedreraCasa Vicens, Casa Milà e Palau Güell.

 

A famosa Casa Milà, obra de Gaudí, em Barcelona | Foto: Zizo Asnis

 

La Monumental

 

Para quem se interessa pelo assunto e quiser saber onde aconteciam as touradas, atualmente proibidas em Barcelona, dá para passar em frente da La Monumental, última arena a oferecer esse tipo de atração na cidade, que hoje encontra-se fechada.

 

La Monumental | Foto: Juliana Maian

 

Bairro Gótico e proximidades

 

Nesta região, com muitas ruas estreitas que levam a gente de volta ao passado, existem vários museus e prédios históricos. Destaco aqui o Museu Picasso, que guarda o mais importante acervo na Espanha deste celebrado artista modernista, e a Catedral de Barcelona, com suas muitas capelas interiores, criptas e arquitetura gótica que conta a história da cidade desde o ano 400.

 

Interior da Catedral de Barcelona | Foto: Juliana Maian

 

Montjuïc

 

Acesse este morro através do Funicular e, lá em cima, terá uma bela vista da cidade. Além disso, ali fica o Castell de Montjuïc, o Parque Olímpico e vários museus, dos quais destaco a Fundação Joan Miró – outro relevante artista catalão de projeção internacional. O passeio é uma bela de uma caminhada, por isso prepare as pernocas.

 

Castell de Montjuïc | Foto: Justin (CC BY-NC-ND 2.0)

 

Na descida, você encontra a belíssima Plaça d’Espanya, que reúne obras arquitetônicas de vários artistas catalães. De frente para a praça, fica o Palau Nacional. Proponho assistir a um pôr-do-sol ali, olhando para a Fonte Luminosa, com um show de cores ao som de música famosas. Pode ser até meio cafoninha, mas não deixa de ser bonito.

 

Plaça D’espanya | Foto: Juliana Maian

 

Camp Nou

 

Para os fãs do futebol, não pode faltar a visita ao Camp Nou, estádio do Barcelona, um dos times mais adorados da Europa. Não precisa ser dia de jogo para entrar no estádio, aberto à visitação. A loja de souvenirs do time é bem grande, e ouso dizer que já faz valer o passeio.

 

Camp Nou | Foto: John Seb Barber (CC BY 2.0)

 

Uma cidade para voltar

 

Pois é, deu para ver que Barcelona tem lugares de sobra para render muitos dias de passeio, né? E olha que, nem de longe, eu falei de todos os pontos turísticos e nem entramos na questão “vida noturna”, que é também muito agitada por ali. Por isso, ao planejar sua visita, não subestime a capital catalã e reserve tempo suficiente para descobrir vários de seus mistérios.

 

Vista superior de Barcelona | Bert Kaufmann (CC BY 2.0)