As intocadas cachoeiras de Corupá

Cachoeira do Tombo (número 10), o volume das águas transforma a cachoeira em uma correnteza com diversas quedas | Bruna Cazzolato Ribeiro

Cachoeira do Tombo, nº 10: o volume das águas transforma a cachoeira em uma correnteza com diversas quedas | Por Bruna Cazzolato Ribeiro

 

Por Bruna Cazzolato Ribeiro

 

A pequena cidade de Corupá, em Santa Catarina, com cerca de 14.000 habitantes, esconde atrativos interessantes para os viajantes. Apesar de ser referenciada na região como “capital catarinense da banana”, em virtude da sua produção da fruta, Corupá ainda é pouco conhecida pelos aventureiros de plantão como cidade que abriga uma rota de cachoeiras.

 

A Reserva Emílio Fiorentino Battistella possui 14 cachoeiras abertas para visitação (em dezembro de 2015 a cachoeira número 13, do Boqueirão, estava fechada) distribuídas ao longo de quase 3km (somente ida), em uma variação de altitude de 600m ao longo da trilha.

 

Mas não menospreze sua distância, já que a trilha acontece em subida (ou descida) praticamente o tempo todo. Assim, o tempo médio para percorrê-la é de 2 horas por trecho. Infelizmente não é permitido nadar nas cachoeiras, mas juro que a contemplação já vale o esforço!

 

Cachoeira da Confluência II (número 8) - A cachoeira Confluência I está no oposto desse ponto, mas não esqueça de olhar atrás também. Este cenário é a Confluência II.

Cachoeira da Confluência II, nº 8: a cachoeira Confluência I está no oposto desse ponto, mas não esqueça de olhar também para trás. Esse cenário é da Confluência II | Por Bruna Cazzolato Ribeiro

 

Cachoeira da Surpresa, nº 12: Com a força da água é impossível não se molhar! | Por Bruna Cazzolato Ribeiro

Cachoeira da Surpresa, nº 12: com a força da água é impossível não se molhar! | Por Bruna Cazzolato Ribeiro

 

A entrada no parque acontece até às 15h, de novembro a março, e até às 14h, de abril a outubro, então planeje seu tempo de subida e descida com cautela. Apesar do corrimão presente o tempo todo, o trajeto é íngreme e merece atenção, por isso, use um par de tênis confortável e, se possível, com antiderrapante. Ao longo do caminho há plaquinhas de informações sobre as cachoeiras e sobre a distância percorrida.

 

Saiba mais: As cachoeiras de Bueno Brandão

 

Saiba mais: 10 cachoeiras que você deve conhecer no Brasil

 

O acesso às três primeiras cachoeiras é considerado fácil, mas a partir deste ponto a trilha complica um pouco. O trajeto é estreito e não há paradas para descanso em todas as quedas d’água. Então aproveite para recompor as energias nos pontos onde há um espaço para sentar.

 

Todas as cachoeiras trazem uma surpresa e possuem sua beleza, mas não pense em desistir, pois a última, a 14ª, é a mais imponente com seus 125m de queda. Não esqueça deste detalhe quando estiver cansado do percurso.

 

Cachoeira do Salto Grande (número 14) - Imponente com a quantidade de águas formou duas cachoeiras. Havia uma ponte que ligava até embaixo da cachoeira, por segurança hoje não é mais possível | Foto por Bruna Cazzolato Ribeiro

Cachoeira do Salto Grande, a nº 14: uma ponte costumava dar acesso até a parte debaixo da cachoeira, mas por segurança hoje não é mais possível | Por Bruna Cazzolato Ribeiro

 

Durante toda a trilha não há pontos de água, mas é comum encontrar turistas carregando sua própria garrafinha e enchendo em bicas. Tome cuidado com épocas de chuvas e verifique sempre a situação do parque antes de iniciar a trilha. É indicado que o visitante inicie o passeio pela manhã, especialmente no verão, quando costuma chover no período da tarde.

 

Para planejar sua viagem

  • Corupá está localizada no estado de Santa Catarina, a 82km de Joinville e a 221km de Florianópolis.

 

  • O parque está localizado na Rua Rio Novo Alto, s/n. Os horários de funcionamento variam conforme a época do ano. O horário de visitação é a partir das 7h30, com permanência até 17h30, de abril a outubro (inverno), e até 18h30, de novembro a março (verão).

 

  • O ingresso custa R$ 15,00 por pessoa e deve ser adquirido no mercado Fossile (antes da portaria do parque) – placa indicam o local. Há estrutura para banho e mesas de piquenique no estacionamento do parque.

 

  • A cidade também é conhecida pelo Seminário Sagrado Coração de Jesus, um belo exemplo da arquitetura gótica-romana e que hoje abriga capela, museu, teatro e café, dentre outros espaços.